Uma borboleta cruza o meu caminho
O que era dela agora é nosso
Acompanho-a com o olhar
Ela sabe quanto tempo lhe resta?
É tão rápido. Ela nem vai sair do bosque.
Ela sabe quanto tempo me resta?
É tão rápido. E eu nem sei voar.
Ela pousa em uma folha.
Ela se perde em uma folha.
Ou eu a perco?

-eu sempre perco.

Era uma borboleta azul
No meio de flores verdes.
Chegou
Encantou-me
E partiu.
Quanto dessa borboleta há em você?
Quanto de você resta em mim agora?

Por Marcela Gonçalves